Regência

Marcos Julio 2013
MARCOS JÚLIO SERGL

Pós-doutor em Comunicações, Doutor e Mestre em Artes pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo-USP, atualmente é professor da Universidade de Santo Amaro, da FAPCOM e professor colaborador no curso de Pós-Graduação em Música do Instituto de Artes da Universidade Estadual Paulista – UNESP. Ainda na área de
educação já foi docente do Centro de Estudos Musicais Tom Jobim, da Universidade São Judas Tadeu e da Faculdades Integradas Paulista – FISP.

Aluno de Lydia Alimonda e Cláudio Brito em piano e Roberto Schnorrenberg, Robert Shaw e Hugo Ross em regência, participou de cursos de especialização na Áustria e Espanha.  Com vasta experiência em regência coral, já dirigiu o Coro de Câmara de Recife, o Coral Bento de Nursia em Olinda,  o Coral Villa-Lobos de Presidente Prudente, o Madrigal Vivace de São Paulo e o Madrigal Música Viva de São José dos Campos, tendo sido regente-assistente do Coral Lírico do Teatro Municipal de São Paulo. Atualmente dirige o Coral Cultura Inglesa de São Paulo, o Coral Masculino Vozes do Brasil e o Coral Vozes da Mooca.

Foi ainda presidente da Comissão de Música da Secretaria de Estado de Cultura de São Paulo. Possui experiência na área de Comunicação, com ênfase em Rádio e Televisão; na área de Musicologia, particularmente em: cultura brasileira, música erudita brasileira, música popular brasileira e música sacra brasileira, se dedicando ao estudo e à restauração da música sacra paulista do século XIX.  Áreas de atuação: Rádio e Televisão, Radiodifusão, Jornalismo e Editoração, Educação Artística, Regência, História da Música. 

Em 2012 recebeu o prêmio de Melhor Regente Coral (categoria Música erudita) pela APCA – Associação Paulista de Críticos de Arte.