Come Again

John Dowland (1562 – 1620)
Tradução: Karin Bakke (Março 2002)

1.

Come again, sweet love doth now invite
Volta, é o doce amor convidando

thy graces that refrain to do me due delight.
tuas graças que se recusam a me dar merecido prazer.

To see, to hear, to touch, to kiss, to die,
Te ver, te ouvir, te tocar, te beijar e morrer,

with thee again in sweetest sympathy.
contigo de novo no mais doce encanto.

2.

Come again, that I may cease to mourn
Volta, para que eu, perdido e abandonado,

through thy unkind disdain for now left and forlorn.
Deixe de sofrer com teu cruel desdém.

I sit, I sigh, I weep, I faint, I die
Sento-me, suspiro, choro, desmaio e morro,

in deadly pain and endless misery.
num sofrimento atroz e tristeza sem fim.

3.

All the day the sun that lends me shine
O dia inteiro, o sol que me dá brilho,

By frowns doth cause me pine and feeds me with delay
escondido, me causa dor e me entorpece.

Her smiles, my springs that makes my joy to grow,
Sorridente, és primavera e alegria minha,

Her frowns the cruel winters of my woe.
Amuada, invernos cruéis da minha dor.

4.

All the night my sleeps are full of dreams,
A noite inteira, por sonhos atormentado,

My eyes are full of streams, my heart takes no delight.
O pranto a turvar os olhos meus, o coração despedaçado.

To see the fruit and joys that some do find
Por ver os frutos e a alegria que outros colhem

And mark the storms that are to me assign’d.
E as tempestades que me cabem.

5.

But, alas, my faith is ever true,
Mas, ai de mim, nunca deixarei de amá-la,

yet will she never rue, nor yield me any grace.
mesmo que nunca volte, nem me dê qualquer atenção.

Her eyes of fire, her heart of flint is made,
Seus olhos ardentes, seu coração de pedra

whom neither tears nor truth may once invade.
às minhas lágrimas e ao meu amor jamais cederão.

6.

Gentle Love, draw forth thy wounding dart,
Gentil amor, descarta teu dardo ferino,

Thou canst not pierce her heart; for I, that to approve
Atingir seu coração não lograrás; pois eu, conquistá-la tentei

By sighs and tears more hot than are my shafts
com suspiros e lágrimas mais quentes que minhas flechas,

Did tempt, while she for mighty triumph laughs.
enquanto ela zombava dos grandes feitos meus.

About these ads

3 Comentários

Arquivado em Traduções

3 Respostas para “Come Again

  1. Hárisson

    Grande música, bela declaração de amor, valeu pela tradução.

  2. òtima tradução! Justamente o q eu precisava! Muito obrigada!!!!!!!!

  3. Nena Lemos

    Volta, vem, o amor te induz, meu bem!
    A me causar prazer…
    E hei de te ver, ouvir, beijar, morrer…
    Morrer contigo, no mais doce bem querer

    Volta, vem!
    O teu cruel , desdém jamais lamentarei
    Sozinho e abandonado
    Suspiro, choro, gemo ,
    morro na imensa dor e miséria

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s